Reunião com Serviço Florestal Brasileiro aborda CAR e Código Florestal

 

A Coalizão Brasil se reuniu, no dia 21 de setembro, com o novo diretor-geral do Serviço Florestal Brasileiro (SFB), Pedro Alves Corrêa Neto, com o objetivo de fazer uma reaproximação e aprofundar conversas sobre temas relacionados ao Cadastro Ambiental Rural (CAR), desmatamento e Código Florestal.

Além de Corrêa Neto, estiveram presentes João Adrien e Marcus Vinicius Alves, da diretoria de Regularização Ambiental, e Gabriela Berbigier Gonçalves, coordenadora do CAR no SFB.

Do lado da Coalizão, participaram da conversa membros e líderes do Fórum Desmatamento, como Climate Policy Initiative (CPI/PUC-Rio), Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (Ipam), Instituto Democracia e Sustentabilidade (IDS) e Amaggi, além de Marcello Brito, cofacilitador do movimento, e Laura Lamonica, coordenadora executiva.

A Coalizão reforçou a importância do CAR como instrumento de controle e monitoramento ambiental, a importância de se ter um Sistema Nacional de CAR (Sicar) robusto e confiável, até para que o setor privado possa usá-lo como ferramenta para tomadas de decisões, e destacou as seis ações para a queda rápida do desmatamento. Também foram levadas, como propostas, a possibilidade de implementar um filtro no Sicar para cadastros que se sobreponham a florestas públicas, a exemplo do que já existe para Terras Indígenas e Unidades de Conservação, e a integração de informações relacionadas a desmatamento no Sicar.

O SFB, por sua vez, apresentou sua agenda, em especial o planejamento relacionado à implementação do Código Florestal e à regularização ambiental, e pediu apoio da Coalizão para fazer avançar a agenda do Código nos estados.

 

Novo embaixador da Noruega

A Coalizão Brasil também se reuniu, em setembro, com o novo embaixador da Noruega no país, Odd Magne Ruud. O objetivo do encontro foi apresentar o movimento e suas propostas.