Seminário científico discutirá dados relacionados à dinâmica de cobertura e uso da terra

No dia 17 de maio, a Coalizão Brasil promoverá o seminário “Agropecuária e a dinâmica de cobertura e uso da terra: dados científicos e sua aplicação”. O objetivo do encontro é debater as fontes de informação e seu uso pelos diversos atores da sociedade, tais como: a geração de dados pela academia, a disponibilização dos dados em plataformas públicas, seu uso pela mídia, pelos investidores, assim como para a formulação de políticas públicas.

A Coalizão Brasil preconiza o uso adequado dessas informações para garantir que a tomada de decisão em políticas públicas ou privadas seja a mais alinhada possível a uma economia de baixa emissão de carbono.

O uso da terra é central para o país. O Brasil é o 7º no ranking mundial de maiores emissores de Gases de Efeito Estufa (GEE)¹, segundo o Sistema de Estimativas de Emissões e Remoções de Gases de Efeito Estufa (SEEG). A maior parte (60%) das emissões brasileiras está concentrada nas mudanças de uso do solo (em particular, no desmatamento) e na agropecuária, de acordo com os dados do Sistema de Registro Nacional de Emissões (SIRENE).

Apenas o desmatamento já chegou a representar cerca de 70% das emissões nacionais. Esse cenário começou a ser revertido em 2005, embora, ainda hoje, não se possa afirmar que esteja sob controle. Entre 2014 e 2016, o desmatamento na Amazônia voltou a crescer, segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). Dados mais recentes indicam uma reversão dessa tendência, mas o país segue longe de alcançar sua meta de zerar o desmatamento ilegal até 2030 (assumida no Acordo de Paris).

Para montar a programação do seminário, foi formado um comitê organizador, com a liderança de Carlos Nobre (representante da academia no Grupo Estratégico da Coalizão Brasil) e a participação de Elíbio Rech (Embrapa), João Adrien (Sociedade Rural Brasileira), Plínio Ribeiro (Biofílica), Rodrigo Lima (Agroicone), Tasso Azevedo (SEEG e MapBiomas) da coordenação executiva (André Guimarães, Marcelo Furtado e equipe).
Confira a programação completa e os participantes do evento:

8h30 às 9h00 Boas-vindas e credenciamento
9h00 às 9h30 Abertura:
  • Carlos Nobre (membro da Academia Brasileira de Ciências)
  • Marcelo Furtado (cofacilitador da Coalizão Brasil)
  • Roberto Rodrigues (coordenador do GV Agro, Embaixador Especial da FAO para o Cooperativismo e ex-ministro da Agricultura)
9h30 às 11h00 Painel I: Apresentação e discussão de conjuntos de dados sobre usos da terra no Brasil
  • Britaldo Soares (professor da UFMG)
  • Eduardo Assad (pesquisador da Embrapa)
  • Laerte Ferreira (professor da UFG)
  • Moderação: Connie McManus (professora da UnB, membro da Academia Brasileira de Ciências e diretora de Relações Internacionais da CAPES)
11h00 às 11h30 Intervalo
11h30 às 13h00

Painel II: Como produzir e utilizar dados cientificamente embasados sobre usos da terra no Brasil

  • Adriano Venturieri (chefe Geral da Embrapa Amazônia Oriental)
  • Ane Alencar (diretora de ciências do IPAM)
  • Bernardo Rudorff (diretor executivo da Agrosatélite Geotecnologia Aplicada)
  • Dalton Valeriano (coordenador na Divisão de Sensoriamento Remoto do INPE)
  • Moderação: Carlos Nobre (membro da Academia Brasileira de Ciências)
13h00 às 14h30 Almoço
14h30 às 16h00

Painel III: Uso de dados: comunicação e políticas públicas

  • Herton Escobar (repórter do jornal O Estado de S. Paulo)
  • Natália Mazotte (diretora-executiva da Open Knowledge Brasil e líder da Escola de Dados)
  • Raimundo Deusdará (diretor geral do Serviço Florestal Brasileiro)
  • Moderação: Rodrigo Lima (diretor geral da Agroicone)
16h00 às 16h30 Intervalo
16h30 às 18h00 Painel IV: Uso de dados: avaliação de risco e oportunidades de investimentos
  • Carlos Aguiar (superintendente-executivo de Agronegócios do Santander)
  • Marco Túlio Moraes da Costa (diretor de Agronegócio do Banco do Brasil) - a confirmar
  • Moacir Ferreira Teixeira (sócio fundador do Grupo Ecoagro)
  • Wady Cury (diretor geral de Habitacional e Rural da BBMapfre)
  • Moderação: Ana Toni (diretora executiva do Instituto Clima e Sociedade)
18h00 às 18h30 Encerramento
  • João Adrien (diretor da Sociedade Rural Brasileira)
  • Plínio Ribeiro (diretor executivo da Biofílica)
  • Tasso Azevedo (coordenador do Projeto de Mapeamento Anual da Cobertura e Uso do Solo no Brasil - MapBiomas)
  • André Guimarães (diretor executivo do IPAM e cofacilitador da Coalizão Brasil)

¹Segundo dados do Sistema de Estimativas de Emissões e Remoções de Gases de Efeito Estufa (SEEG).